segunda-feira, 8 de agosto de 2016

A hora de nanar


Muito se fala sobre a tal hora de dormir, sobre métodos, técnicas, rotina, a tal "higiene do sono" (chega a tal ponto que, para alguns pais, a hora de dormir é a verdadeira "Hora do Pesadelo"), mas para ser bem, bem sincera... eu oriento no consultório toda a teoria, mas em casa só falta dar sedativo pra por a Fofinha pra dormir cedo e rápido.

Tá, comparada com outras crianças, não dorme tarde, não. No máximo, 22h e tá todo mundo dormindo, mas até chegar nesse ponto, já foram 2 horas (sim, elas sobem pra dormir às 20h), 236587 + n! historinhas, musiquinhas cantadas em loop infinito e mãe estressando a níveis nunca antes vistos ou imaginados.

Ai vi esse livro na livraria. Não estava caro, era bonitinho e da mesma ilustradora do livro do Gildo, o último sucesso aqui em casa.


Então, por que não tentar? Afinal, é um livro de relaxamento para crianças... muito bem falado na blogosfera...

A primeira noite foi um fracasso. 

Fofa dormiu quase instantaneamente.

Fofinha deu piti.

Sério.

Começou a rolar na cama, falou que não ia dormir, que não estava com sono, chorou, chamou o papai, terminou na minha cama.

Quase desisti. Mas brasileiro não desiste nunca, então tentei a segunda noite.

Fofa dormiu antes da metade do livro.

Fofinha: Eu naum tô com sono. Eu naum tô com sono (respondendo às afirmações do livro). Mamaim, Fofa mimiu, naum teio mais esse livo.

Ok, parei... ela pegou a minha mão... e dormiu em 5 minutos.

TERCEIRA noite (e vamo que vamo)...

Fofa nem preciso dizer: até roncou.

Fofinha: Sou nenê. Sou nenê. Dá mão, mamaim, tira tavesseilo... RONC. - dormiu antes do fim do livro.

Aí achei que já estava bom e não li o livro do Coelhinho ontem. Pra queeeeeee, meu Deus??? Demorei DUAS HORAS E MEIA pra por o serzinho pra dormir!

Hoje retomamos o santo coelhinho! E em 30 minutos ela estava dormindo!

Mas qual o segredo desse coelho?

O autor, um psicólogo comportamental e linguista suíço, usou técnicas psicológicas para ajudar a criança a relaxar, dormir mais rápido e mais tranquilamente, sugestionando o sono ao inconsciente da criança (dos adultos também, porque eu tenho sono só de ler a história). Não é um livro que você lê do jeito tradicional, ele tem palavras em negrito, que devem ser lidas com ênfase, outras, em itálico, que devem ser lidas devagar e pausadamente. E o próprio texto traz comandos, como bocejar e trechos em que os pais inserem o nome da criança, para que ela se sinta parte da história.

Porém, como deu para perceber na experiência de casa, com duas crianças, o resultado é diferente de acordo com a personalidade de cada uma. A Fofa sempre foi mais tranquila, menos questionadora, então aceitou bem o método. Já a Fofinha, que me faz pensar todos os dias no mantra "ninguém merece", ainda resiste, acaba dormindo, mas demora bem mais.

Para quem tem criança que anda resistindo ao sono, recomendo. É aquela coisa: não é caro, não faz mal, não é remédio controlado, não custa tentar. :D

Um comentário:

winie fernanda Araujo disse...

Aonde vende esse bendito livro? Precisooooo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...